SOLIDARIEDADE MARCA AS AÇÕES DA ESPORTIVA

No mês de fevereiro a Esportiva abriu suas portas para o Jogo Solidário, que beneficiou a Santa Casa de Misericórdia Carolina Malheiros e a creche Chafica Antakly com doações que ultrapassaram R$ 15 mil.

Mas não é apenas neste ponto que a Rubro-Negra se mostra solidária e ativa no aspecto comunitário. Como se sabe, mais de 12 mil pessoas são associadas ao clube e, nos últimos anos, dezenas de ações voluntárias de sócios e colaboradores melhoraram a vida de instituições sanjoanenses. Através da CIPA (Comissão Interna de Prevenção de Acidentes), a SES doou alimentos, brinquedos e roupas para instituições especializadas no atendimento a crianças da cidade. Em outra ocasião, uma campanha arrecadou ração para cães atendidos por ONGs locais.

MILITANTES E PARCERIAS

A Esportiva ainda dá oportunidade para crianças e adolescentes que militam em seus departamentos. Atualmente, o clube tem 136 atletas militantes, que têm aulas de esportes e acompanhamento profissional de nossos educadores físicos, sem o pagamento de mensalidade. “Se essas ações não resultarem na formação de um atleta profissional, certamente estamos auxiliando para a criação de homens e mulheres de bem, pessoas que no futuro serão honestas, trabalhadoras, chefes de família”, ressalta o presidente Foguinho.

Não bastasse a Esportiva também coloca sua estrutura à disposição de entidades públicas e privadas do município e abre suas portas para ações sociais da Prefeitura, como no Dia do Idoso e em outras datas especiais. A agremiação ainda abriu espaço para o plantio de árvores do Projeto Plantar e para outras ações ambientais. Voluntários de grupos religiosos e da Ordem DeMolay também passaram pela Esportiva com seus projetos, sempre com sucesso.

Só em 2018, o clube recebeu 50 visitas de instituições de ensino públicas e particulares de São João, sem qualquer tipo de cobrança, fomentando a prática desportiva e o lazer de mais de 2000 crianças e adolescentes que vieram a SES com seus professores e desfrutaram de inúmeras atividades. Passaram pela Esportiva as seguintes entidades: Senac, Unifae, Dom Bosco, COC, SESI, CAS, CEAC, e as EMEBs Anésia Martins Mattos, Maria de Lima Teixeira, Davi Arrigucci, Neusa Dotta Vieira, Pedro Vaz de Lima, Nicola Dotta, Sarah Salomão, Maria Angelina Severino, Professor Helio de Ornelas Borges, Irmã Hermínia Molas, Antonio dos Santos Cabral, Professora Maria Leonor Alverez e Silva, Dr. Antonio José Minghini, Genoefa Pan Bernardo, José Inácio Diniz e  Lar Meimei.

“Estes números comprovam que a Esportiva é um clube solidário e participa, ativamente, das ações comunitárias que são tão importantes para nossa cidade”, salientou Foguinho.